Contribuintes têm que entregar a DIRF até 27 de fevereiro

Contribuintes têm que entregar a DIRF até 27 de fevereiro

Easy-Tributos já está atualizado para que os clientes possam cumprir a obrigação em tempo hábil

A Receita Federal do Brasil – RFB já disponibilizou em seu site (www.receita.fazenda.gov.br) o programa gerador da Declaração do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte – DIRF. A obrigação referente ao ano-calendário 2014 deve ser entregue até as 23h59min59s (horário de Brasília) do dia 27 de fevereiro de 2015. A multa para as pessoas jurídicas que atrasarem ou não entregarem a obrigação é de R$ 500 (quinhentos reais).

A DIRF é a declaração feita pela fonte pagadora com o objetivo de informar ao fisco os rendimentos pagos a pessoas físicas e jurídicas domiciliadas no país e/ou residentes, domiciliados no exterior (atentando-se a condições específicas para estes casos), inclusive os isentos e não tributáveis, nas condições em que a legislação especifica. Também deve ser informado o valor do imposto sobre a renda e/ou contribuições retidos na fonte dos rendimentos pagos ou creditados para seus beneficiários, o pagamento, crédito, entrega, emprego ou remessa a residentes ou domiciliados no exterior, ainda que não tenha havido a retenção do imposto, inclusive nos casos de isenção ou alíquota zero, e os pagamentos a plano de assistência à saúde – coletivo empresarial.

Estão obrigadas a entregar a declaração todas as pessoas jurídicas e físicas que pagaram ou creditaram rendimentos sobre os quais tenha incidido retenção do Imposto sobre a Renda Retido na Fonte – IRRF, ainda que em um único mês do ano-calendário, por si ou como representantes de terceiros. Deve-se declarar, ainda, quando houver pagamentos a pessoas físicas que somados sejam superiores a R$ 6.000 (seis mil reais), mesmo que não tenha ocorrido retenção.

Segundo Marcelo Ferreira, supervisor tributário da Easy-Way do Brasil, uma das maiores desenvolvedoras de sistemas tributários, fiscais e contábeis do país, a DIRF 2015 não trouxe grandes modificações. “Acrescentaram um novo registro de rendimento isento específico para a complementação de aposentadoria de previdência complementar correspondente às contribuições efetuadas entre 1º de janeiro de 1989 e 31 de dezembro de 1995, mas nada realmente significativo”, diz o especialista.

Mantendo o compromisso de sempre atualizar seus sistemas em tempo hábil, a equipe da Easy-Way já atualizou o Easy-Tributos, sistema responsável pela geração da DIRF, para que seus clientes possam cumprir esta obrigação com segurança, confiabilidade e, principalmente, dentro dos prazos legais.