DCTFWeb ganha novas funcionalidades

DCTFWeb ganha novas funcionalidades

RFB cria duas novas funções para automatizar a importação dos dados da DComp transmitida no PER/DCOMP Web

A Receita Federal do Brasil – RFB anunciou duas novas funcionalidades visando tornar mais simples e reduzir a possibilidade de erros na Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais – DCTFWeb.

As novas funções “Abater Dcomp” e “Importar da RFB”, criadas para a DCTFWeb, vão permitir a importação dos dados da Declaração de Compensação – DComp transmitida no Pedido Eletrônico de Restituição, Ressarcimento ou Reembolso e Declaração de Compensação – PER/DCOMP Web, dispensando a digitação na DCTFWeb.

Segundo o comunicado publicado pela RFB, ao promoverem a integração da obrigatoriedade com o PER/DCOMP Web, as novas funções devem simplificar o procedimento de vinculação das compensações e facilitar a emissão do DARF considerando os valores já compensados.

Inserida na página de visualização da DCTFWeb, a função “Abater DComp” vai permitir a emissão do DARF com o abatimento dos valores compensados por meio da DComp, sem a necessidade de retificar a DCTFWeb e incluir manualmente esses dados. A nova funcionalidade se assemelha a “Abater pagamentos anteriores”, já existente, que também facilita a emissão do DARF.

A função “Importar da RFB” foi inserida apenas nas declarações retificadoras com status “Em andamento”, ou seja, ainda não transmitidas, sendo localizada no menu “Créditos Vinculáveis > Créditos > Compensação”. Seu objetivo é permitir o preenchimento automático dos dados da DComp, nos casos de retificação da DCTFWeb.

“Essas mudanças vão beneficiar principalmente as empresas que fazem muitas Declarações de Compensação transmitidas no PER/DCOMP Web”, diz Marcelo Ferreira, supervisor tributário da Easy-Way do Brasil, uma das maiores desenvolvedoras de sistemas fiscais, tributários e contábeis do país.

O especialista explica que acessar essas informações diretamente no banco de dados da RFB vai facilitar o preenchimento da declaração e evitar a ocorrência de erros de digitação e inconsistências entre os dados declarados na DCTFWeb e no PER/DCOMP Web.

“O que a Receita está fazendo é automatizar cada vez mais esse processo para simplificá-lo e minimizar a possibilidade de erros. Essa tendência de automatização veio para ficar no setor tributário e as empresas vão ter que se adaptar também”, acredita Ferreira.

A Easy-Way está acompanhando as novas funcionalidades inseridas pela RFB, uma vez que o Sistema Easy-Tributos é responsável pelo apoio na geração e conferência da DCTFWeb.